Mi bebé y yo

O que é e para que serve a urocultura na gravidez?

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

A urocultura é um dos exames de rotina que se realiza nos três trimestres da gravidez, juntamente com outros exames previstos no seguimento de uma gravidez saudável. Dizemos-lhe para que serve, por que se faz e o que é que permite detetar.

A urocultura, ou urinocultura, é uma análise de laboratório destinada a detetar a presença de possíveis bactérias ou micróbios a partir de uma amostra de urina. Durante a gravidez, a análise de urina da futura mamã é um dos exames de rotina no seguimento de uma gravidez saudável. Se não for necessário realizar mais por outros motivos, durante os nove meses costumam realizar-se três uroculturas, que coincidem com as análises de cada trimestre de gravidez previstas nas consultas de rotina da gestação.

(Também lhe interessa: Cistite: ardor ao fazer xixi)

Para que é que se realiza uma urocultura durante a gravidez?

Como vimos, a urinocultura é uma análise de rotina durante a gravidez e efetua-se, em condições normais, em todos os trimestres da gravidez, na mesma altura em que se realiza a extração de sangue correspondente.

(Também lhe interessa: Proteínas na urina na gravidez: causas e valores anormais)

A urinocultura é um exame que oferece informações muito úteis e necessárias, que permite descobrir possíveis infeções urinárias na gravideze, principalmente, diagnosticar ou descartar duas das principais patologias obstétricas: a diabetes gestacional e a pré-eclâmpsia. Esta última é uma doença grave da gravidez e deteta-se através da presença de proteínas na urina, mais concretamente da albumina.

A diabetes gestacional, que também se deteta através da análise de sangue, é uma patologia problemática durante a gestação, pois pode ter numerosas consequências negativas para o feto, pelo que é muito importante detetá-la a tempo e tomar as medidas oportunas, sempre sob orientação médica.

Outra das possíveis patologias que se deteta através da urinocultura é, evidentemente, a infeção urinária ou a cistite, que também precisa de ser controlada de forma precoce, para que se evitem complicações na gravidez.

Urocultura: como é que se realiza a análise?

Para realizar uma urocultura é necessário obter uma amostra de urina da futura mamã. De preferência, a urina recolhida deve ser a primeira da manhã, o que permite obter toda a informação possível, pois esta é mais concentrada. Antes de recolher a amostra de urina, lembre-se que deve seguir à letra as instruções que lhe tenha dado o seu ginecologista ou enfermeira a esse respeito, bem como utilizar o recipiente estéril de recolha de urina que lhe tenham entregado no centro de saúde para essa finalidade.

O que deve ter em conta na recolha da amostra de urina:

  • Recolha sempre a primeira urina da manhã.
  • É fundamental que a urina se introduza rapidamente no recipiente estéril, para evitar contaminações.
  • Antes de urinar, convém que lave os genitais externos e as mãos. Deste modo, evitará que a urina entre em contacto com agentes externos que a podem contaminar.
  • Abra a embalagem do recipiente imediatamente antes de o usar, de modo a preservar a sua esterilidade.
  • Quando recolher a urina, não aproveite nem as primeiras nem as últimas gotas. A amostra mais fiável obtém-se com a porção de urina intermédia.
  • Verifique que o recipiente de recolha está bem fechado antes de o entregar para análise.

Também lhe interessa

O que é e para que serve a urocultura na gravidez? Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)