O meu bebé

Urinar muito: é um perigo para o bebé?

O que devem fazer os pais se o seu bebé faz muito xixi? Quais podem ser as causas desta condição? É perigoso e convém ir ao pediatra? Explicamos-lhe o que fazer se o seu bebé urina de forma abundante.

A quantidade de urina no bebé, tanto sendo abundante como escassa, pode ser indício de alguma perturbação no pequeno. Neste artigo, vamos explicar-lhe o que se pode estar a passar no caso de notar que a quantidade de urina do bebé aumentou. Nestes casos, o xixi do bebé é mais abundante do que o normal e o estímulo de urinar apresenta-se mais frequentemente.

(Também lhe interessa: Urinar pouco: porque é que o bebé faz pouco xixi?)

Urinar muito: causas no bebé

  • Se se tratar de um facto isolado, poderá indicar que o bebé bebeu mais do que o habitual. Tal pode ser devido, por exemplo, ao facto de ter consumido um alimento salgado, que faz com que a sede aumente. Também pode ser sinal de que o bebé comer um alimento de efeito diurético (como, por exemplo, a melancia).
  • Se o problema se manifestar no inverno pode ser devido ao frio. Se o bebé urina muito em pleno inverno, depois de um passeio ao ar livre, pode ser devido ao frio. Nestes casos, é habitual que o bebé sue menos e, consequentemente, faça mais xixi.
  • A causa desta alteração pode ser mais séria se o bebé começou a fazer xixi com maior frequência do que o habitual (por exemplo, começou a acordar todas as noites para ir à casa de banho), se bebe mais do que o normal e se sofrer um repentino aumento de apetite. Neste caso, o pequeno poderia padecer de diabetes mellitus ou diabetes insípida. No primeiro caso, o seu organismo não queima os açúcares como deveria, enquanto que, no segundo caso, sofre de um défice na produção de vasopressina (hormona antidiurética), que controla a eliminação e a reabsorção dos líquidos corporais. Em ambos os casos, será necessário ir imediatamente ao pediatra.

(Também lhe interessa: Diabetes infantil: sintomas e tratamento)

O que fazer se a urina do bebé é muito abundante

Se a urina do bebé é muito abundante, pode aturar de duas formas diferentes:

  • Se se tratar de um fenómeno isolado, não terá de adotar medidas. É algo que vai passar naturalmente.
  • Há que consultar o pediatra se existe uma suspeita de que estamos perante um caso de diabetes. Perante esta situação, será o médico o responsável de avaliar a necessidade de prescrever exames específicos para o bebé, imprescindíveis para efetuar o diagnóstico.

Diabetes mellitus infantil: o que é que tipos existem?

A diabetes mellitus infantil é uma doença crónica cujo sintoma mais evidente é o facto de o bebé urinar muito mais do que o normal (embora seja bom lembrar que o simples ato de urinar muito não é sinal de diabetes). Para a diagnosticar apenas é necessário efetuar uma análise de sangue e urina ao bebé e em alguns minutos obtém-se o diagnóstico.

Existem dois tipos de diabetes mellitus infantil:

  • Diabetes mellitus tipo 1. Acontece porque o pâncreas deixa de produzir insulina. É a mais frequente em crianças e a sua causa é na maioria dos casos autoimune, ou seja, de predisposição genética. Como consequência deste tipo de diabetes mellitus, a criança deixa de produzir insulina (a hormona que regula a concentração de aç~ucar no sangue) e o nível de açúcar sobe de forma descontrolada.
  • Diabetes mellitus tipo 2. Produz-se porque o corpo perde a sensibilidade à ação da insulina e costuma estar associada ao excesso de peso. É cada vez mais frequente devido ao aumento da obesidade infantil, mas é reversível se se baixar de peso.

(Também lhe interessa: Obesidade infantil: causas e riscos)