Mi bebé y yo

‘Piercings’ na gravidez e amamentação

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

Os piercings estão na moda, mas será que podem constituir um problema quando se espera um bebé ou se está a amamentar? Saiba o que dizem os especialistas sobre os piercings de mamilo e umbigo.

Hoje em dia, são muitas as mulheres que têm piercings no umbigo ou em qualquer outra parte do seu corpo, como no mamilo. Mas o que é que acontece quando a mulher fica grávida, a barriga cresce e pele estica? O orifício de um piercing no mamilo pode pôr em risco a É perigoso tomar paracetamol durante a gravidez?? Será que tem algum risco para a saúde da futura mamã e para o seu filho? Respondemos a todas estas perguntas.

As precauções antes de pôr um ‘piercing’

  • É muito importante, antes de pôr um piercing, cuidar da própria higiene pessoal e lavar cuidadosamente a zona na qual se vai fazer o piercing.
  • Depois, uma vez preparado, o furo do piercing deverá ser desinfetado duas vezes por dia até que esteja completamente sarado, durante um período de tempo variável em função da zona do corpo na qual se realizou.

É arriscado fazer um ‘piercing’ durante a gravidez?

Sim.

  • A gravidez reduz as defesas imunitárias da mulher, o que a torna mais vulnerável às infeções locais e a patologias infeciosas graves, como a hepatite.
  • Além disso, durante a gravidez a pele fica mais sensível e também aumenta o risco de reações alérgicas e de rejeição aos componentes do metal do piercing. Esta vulnerabilidade continua durante a amamentação.

O ‘piercing’ do umbigo deve tirar-se?

Durante a gravidez, é recomendável tirar o piercing do umbigo, especialmente quando a pele da barriga está muito esticada e o umbigo tende a sobressair. Nestes casos, se o piercing fica no seu lugar, a pele da barriga pode rasgar. Por isso, é melhor tirá-lo e voltar a pô-lo depois do parto.

(Também lhe interessa: É perigoso tomar paracetamol durante a gravidez?)

O ‘piercing’ do mamilo tem riscos?

  • Durante a gravidez, não é necessário tirar o piercing, mas muitas futuras mamãs tiram-no espontaneamente por estarem mais sensíveis nesta zona e se sentirem incomodadas.
  • Evidentemente, durante a amamentação é necessário tirar o piercing e não o voltar a pôr até ao seu fim. O facto de tirar e voltar a pôr o piercing entre uma toma e outra pode transportar bactérias para o interior dos canais galactóforos, o que aumenta o risco de mastite para a mãe e de transmissão de infeções bacterianas para o bebé.
  • Por fim, se o furo atravessar um canal galactóforo, ou seja, um dos finos canais que transportam o leite das glândulas ao mamilo, o leite poderá sair por esse orifício. No entanto, tal não representa um problema se o bebé succiona corretamente, abarcando com a boca todo o mamilo, e não apenas a ponta.

(Também lhe interessa: 10 perguntas que tem vergonha de fazer ao seu ginecologista)

Também lhe interessa

‘Piercings’ na gravidez e amamentação | O Meu Bebéc Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)