Mi bebé y yo

Diarreia na gravidez

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

Está grávida e começou a sofrer de diarreia? A diarreia durante a gravidez é muito habitual, especialmente à medida que se aproxima a data do parto. Falamos-lhe sobre as suas causas e como a pode tratar de forma segura.

Se está nos seus primeiros meses de gravidez e começou a sofrer de diarreia, muito provavelmente tal é consequência do típico desarranjo estomacal dos primeiros sintomas de gravidez. O cansaço na gravidez, os enjoos e os vómitos fazem com que os alimentos não caiam bem no estômago. A diarreia é uma consequência deste desarranjo.

Outra causa da diarreia no início da gravidez é o facto de algumas futuras mamãs se tornarem mais sensíveis a determinados alimentos que comeram muitas vezes anteriormente, sem problemas, mas que durante a gravidez podem provocar um mal-estar estomacal. Também as hormonas podem ser a casa da diarreia, pois as mudanças experimentadas no início da gestação podem provocar um desajuste do sistema gastrointestinal.

Se, pelo contrário, está nos últimos meses de gravidez e tem diarreia, pode ser que parte da culpa seja do bebé porque, nestes casos, a pressão que exerce o bebé no estômago faz com que a comida não caia bem. Além disso, a diarreia pode ser provocada por um excesso de comida, por um estado de ansiedade ou por sofrer de alguma infeção. Perante uma dúvida, consulte o médico imediatamente.

(Também lhe interessa: Doenças na gravidez)

Como atuar em casos de diarreia na gravidez?

Os vómitos e a diarreia não afetam o bebé, mas se uma diarreia não for tratada de forma apropriada, pode trazer um risco para o feto. Por isso, convém seguir algumas diretrizes para a tratar.

Água, beber mais quantidade

O melhor remédio para tratar a diarreia durante a gravidez passa por beber muitos líquidos, principalmente água. Ao sofrer de diarreia, o corpo perde muitos líquidos durante o dia, com o qual também se perdem eletrólitos, que se terão de repor. Esta condição pode causar uma desidratação que, esta sim, afetaria o bebé, pelo que é importante hidratar-se corretamente.

Uma correta hidratação implica beber muita água, mas também é bom consumir sumos e sopas para reidratar o organismo e repor os eletrólitos que o corpo perdeu. A água ajuda a repor os líquidos perdidos, o sumo ajuda a repor os níveis de potássio e a sopa a repor o sódio.

(Também lhe interessa: Bebidas na gravidez: quais sim e quais não)

Alimentação, seguir uma dieta mole

A nível de alimentação, é recomendável ingerir sólidos em porções pequenas fazendo várias refeições ao longo do dia, em vez de três refeições copiosas. É importante consumir alimentos que reidratem o organismo, como sopas e caldos. Também se devem comer alimentos ricos em potássio, como as bananas ou as batatas.

Se a diarreia é intensa, é aconselhável deixar de comer ou beber produtos láteos, como o leite ou o queijo, durante uns dias. A massa, o arroz branco e os cereais como papas de trigo ou de aveia são indicadas em casos de diarreia, bem como a gelatina de fruta, que reidrata o organismo.

Automedicação, totalmente proibida

Se a diarreia não desaparecer por si mesma em alguns dias, é aconselhável consultar um médico. É importante recordar que nunca deve ingerir um medicamento sem ter consultado um médico previamente. De faco, deverá saber que a diarreia pode ser causada por bactérias e parasitas, que se podem combater com antibióticos. Mas também pode ser causada por um vírus, pelo que, neste caso, os antibióticos não ajudam. Para determinar a causa, deve consultar o seu médico.

(Também lhe interessa: Doença de Crohn e gravidez: o que deve saber)

Também lhe interessa

Diarreia na gravidez ! O Meu Bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)