Mi bebé y yo

O que é e como se desenvolve o corpo lúteo?

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

O corpo lúteo é uma estrutura glandular, de carácter cíclico e temporal, que está relacionada com o ciclo menstrual e com a fecundação, daí que seja importante conhecer o seu desenvolvimento de forma pormenorizada. Vamos explicar-lhe tudo.

A fase lútea, que dura entre um mínimo de 10 dias e um máximo de 16, começa depois da ovulação e origina-se no ovário. O desenvolvimento desta fase será diferente se o óvulo for ou não fecundado. É importante saber como se desenvolvem os óvulos no corpo lúteo tanto num caso como no outro. Ambos os cenários vão ser explicados em seguida.

(Também lhe interessa: O que é a fase lútea?)

O que é o corpo lúteo?

Também é conhecido como corpo amarelo e é uma estrutura glandular, de carácter cíclico e temporal, que se desenvolve dentro do ovário após a ovulação ou depois do desprendimento do óvulo, momento no qual se rompe um folículo para libertar o óvulo para o exterior.

Neste folículo, desenvolve-se uma pequena glândula com células de pigmento amarelo (luteína) que segregam progesterona. Este procedimento torna possível a constituição do corpo lúteo.

(Também lhe interessa: Endometriose e Gravidez)

O que acontece no caso de fecundação do óvulo?

Quando se dá a fecundação no óvulo libertado, o corpo lúteo começa a crescer e a segregar grandes quantidades de progesterona nos primeiros meses de gravidez. Tal torna possível que a mucosa uterina se desenvolva o suficiente e acolha a nidação, e se criem, consequentemente, as condições adequadas para que cresça o ovo e se alimente o embrião. A placenta irá segregar, a partir de então, a hormona da gravidez, conhecida como gonadotrofina coriónica humana, a qual se deteta nos testes de gravidez. Esta hormona assegura que o corpo lúteo continua a produzir quantidades adequadas de progesterona para que o embrião se alimente até que a placenta seja capaz de o fazer por si mesma.

(Também lhe interessa: Teste de gravidez: como e quando o realizar)

O que acontece no caso de o óvulo não ser fecundado?

Neste caso, o corpo lúteo permanece aproximadamente duas semanas e, passado este período, acaba por se decompor, ao mesmo tempo que se produz uma diminuição da secreção de progesterona, gerando assim o sangramento menstrual e marcando um novo ciclo no qual um novo corpo lúteo se irá formar. Durante este processo de contração do folículo vazio, e no qual se continua a produzir progesterona e estrogénios, as mulheres costumam sentir os sintomas pré-menstruais, tais como o inchaço, a irritabilidade ou a dor nos seios.

(Também lhe interessa: Testes de ovulação: Resultam?)

Também lhe interessa

O que é e como se desenvolve o corpo lúteo? | O Meu Bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)