Mi bebé y yo

Dificuldade em engravidar: causas

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

Muitos casais têm dificuldades para conceber, seja devido a problemas respeitantes à mulher ou ao homem, ou ainda a causas desconhecidas ou fatores que envolvem ambos os membros do casal. Neste artigo vamos abordar os diferentes fatores que dificultam a gravidez.

Embora cada gravidez seja única, e a dificuldade para engravidar nem sempre corresponda a um padrão claro e definido, se depois de ter tentado ter um filho durante um ano não conseguiram ter sucesso, é preferível consultar um especialista para que este diagnostique e avalie os possíveis problemas de infertilidade. Através de vários exames, o médico irá analisar as possíveis causas e iniciará, por conseguinte, um tratamento de infertilidade que, certamente, fará com que seja possível terem o vosso desejado bebé.

(Também lhe interessa: Como engravidar rápido e facilmente)

Porque é que tenho dificuldade em engravidar?

Relativamente aos fatores que podem afetar a fertilidade da mulher, enumeramos alguns dos problemas mais comuns que dificultam a conceção:

  • Problemas de ovulação: Este problema acontece quando os óvulos não conseguem amadurecer nos ovários, ou quando estes não conseguem libertar o óvulo maduro. Este problema costuma ser acompanhado de sintomas como períodos menstruais pouco frequentes ou sangramentos demasiado leves ou abundantes. Ainda assim, é provável que o período apareça sem sintomas prévios, como o inchaço ou a sensibilidade dos seios. Este problema costuma tratar-se com medicamentos para a fertilidade, fecundação in vitro (FIV) ou tratando e controlando o peso, se este for muito baixo ou excessivo.
  • Endometriose: A endometriose é uma das principais causas de infertilidade que acontece quando o tecido das paredes do útero cresce num lugar diferente do habitual, impedindo assim que a gravidez se possa desenvolver com normalidade dado que o tecido bloqueia as trompas ou altera a função do ovário. Muitas mulheres não apresentam sintomas, embora algumas tenham dores fortes nos períodos menstruais ou durante as relações sexuais, sangramentos abundantes ou dores pélvicas. Para resolver este problema é possível sujeitar-se a uma cirurgia que extrai o tecido anormal, no caso das trompas se encontrarem bloqueadas. Também se podem tomar medicamentos para a fertilidade ou optar pela inseminação artificial.
  • Falta de qualidade dos óvulos:Também é provável que uma fraca qualidade dos óvulos gere infertilidade. Normalmente, a qualidade dos óvulos baixa a partir dos 35 anos. Trata-se de um problema que não traz nenhum tipo de sintoma. Perante esta situação, os médicos costumam prescrever medicamentos para a fertilidade, ou recomendar a fecundação in vitro com óvulos próprios ou de doadoras.

(Também lhe interessa: Problemas em engravidar: anomalias do aparelho reprodutor feminino)

(Também lhe interessa: Quando ovula uma mulher?)

  • Obstrução das trompas de Falópio: Quando as trompas de Falópio ficam obstruídas, os espermatozoides não conseguem chegar ao óvulo, nem os óvulos fecundados conseguem chegar ao útero. Este problema não apresenta nenhum tipo de sintoma e pensa-se que pode ser causado por inflamações pélvicas, infeções de transmissão sexual ou cirurgia de esterilização, entre outras. As mulheres que têm as trompas de Falópio obstruídas costumam submeter-se a cirurgias para as abrir, embora no caso de estarem muito danificadas o melhor seja retirá-las antes de uma fertilização in vitro para aumentar assim a probabilidade de engravidar.
  • Síndrome do ovário policístico: Trata-se de uma condição que faz com que os folículos pequenos dos ovários, que são os responsáveis por libertar os óvulos para fecundar, não se desenvolvam até serem grandes e maduros. Esta síndroma relaciona-se com desequilíbrios hormonais e costuma ser acompanhada de períodos menstruais irregulares, acne, obesidade ou crescimento excessivo de pelos. Para resolver este problema, o médico pode sugerir que faça alterações no seu estilo de vida, introduzindo uma dieta ou exercício regular. Também lhe pode receitar medicamentos para melhorar a fertilidade, uma cirurgia nos ovários ou FIV.
  • Problemas não explicados: Pode acontecer que, após fazer uma análise, o médico determine que não existe nenhuma explicação possível para a infertilidade. Neste caso, todos os resultados terão sido normais e, provavelmente, o problema é devido a diferenças muito subtis e quase impercetíveis no funcionamento do aparelho reprodutor. Muitos especialistas afirmam que o estilo de vida pode ser uma grande influência, tal como ter um considerável excesso de peso, o consumo excessivo de cafeína, tabaco ou álcool, bem como uma exposição constante a situações stressantes.

(Também lhe interessa: Dicas para engravidar)

Também lhe interessa

Dificuldade em engravidar: causas | O Meu Bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)