O meu bebé

Procurar ama de crianças: como encontrar a adequada?

Está à procura de uma ama para o seu filho? Não é nada fácil encontrar a candidata ideal quando se está à procura de uma ama. Como acertar na escolha? Quais os aspetos a ter em conta? Explicamos tudo, tome nota!

Muitas mamãs, passados os quatro meses de baixa maternal, devem regressar ao trabalho e, muito a custo, encontram-se perante o seguinte dilema: deixar o bebé no berçário ou procurar uma pessoa que  cuide dele? Muitas famílias têm a sorte de contar com a ajuda dos avós, que podem cuidar do bebé até que este tenha idade para começar no jardim de infância. Não obstante, também há muitas outras famílias que não contam com esta ajuda e têm de decidir se deixam o pequeno na creche ou se procuram uma ama ou baby-sitter que cuide dele enquanto trabalham.

(Também lhe interessa: Viajar a Londres com crianças)

Se optar por procurar uma ama para o seu filho, deverá ter em conta muitos aspetos, mas o mais importante é que a pessoa escolhida seja de confiança e lhe permita estar tranquila quando deixar o seu filho nas suas mãos. Neste sentido, a primeira coisa que deve ter em conta, antes de começar à procura, é que tipo de ama ou baby-sitter procura. Ou seja, se procura uma pessoa a tempo inteiro ou apenas quer quem cuide do bebé algumas horas por dia. Também deve considerar se vai necessitar dela durante um período de tempo determinado ou a longo prazo.

O que ter em conta quando procura uma ama?

O seu filho vai passar muitas horas com a sua ama, pelo que é importante encontrar a melhor, tanto para si como para o pequeno. A ama ou baby-sitter deve, acima de tudo, transmitir-lhe confiança e segurança. Mas além disso, quando fizer uma entrevista laboral com as candidatas, dever-lhes-á perguntar a sua experiência. É um aspeto fundamental, pois a ama deve saber como atuar em caso de emergência, como repreender a criança quando esta se porta mal, como preparar-lhe o biberão, etc.

(Também lhe interessa: Família moderna: como são as famílias de hoje em dia)

Outro aspeto que deverá ter muito em conta é a sensação que a ama ou baby-sitter lhe dá na relação com o bebé. Ou seja, não basta reunir-se com ela e fazer uma entrevista, também é importante apresentá-la ao bebé e ver como interage com ele, se a criança tem boas vibrações com ela, se sabe como interagir com o pequeno, se o seu tom ao dirigir-se ao bebé é doce e caloroso, etc. É importante prestar atenção à linguagem não verbal, pois esta dá muitas informações sobre a pessoa.

Os requisitos da ama ideal

Baseados num artigo do jornal ABC que menciona os requisitos que deve cumprir uma ama, selecionámos os cinco aspetos imprescindíveis:

Disponibilidade e predisposição. É importante que os pais estabeleçam com a ama o tipo de contrato a contrair. Ou seja, se necessitam de uma ama de forma pontual, quando saem à noite para jantar ou ir ao cinema, ou se precisam de uma ama a tempo inteiro. É importante que ela, seja qual for o tipo de jornada a combinar, se mostre com vontade e predisposta. Ou seja, deve gostar de crianças.

Experiência. É outro aspeto imprescindível, pois a ama vai passar muitas horas com as crianças e deve saber como atuar em cada caso: a hora do banho, a comida, as brincadeiras, como atuar perante uma emergência, etc.

Organização e assiduidade. É importante que a ama seja uma pessoa organizada que saiba incutir nas crianças um ritmo na realização das atividades diárias. Por exemplo, deve saber organizar o seu tempo se tiver de ir buscar as crianças ao colégio, levá-las a uma atividade extraescolar, depois dar-lhes o lanche, chegar a tempo a casa para o banho, etc.

Confiança e segurança. O aspeto mais importante de todos. Deve ficar sossegada quando deixar a criança com a ama, pelo que deve ser uma pessoa com quem sabe que o seu filho fica bem e é bem cuidado.

Aprendizagem. Um acréscimo que atualmente se converteu em tendência, é contratar uma ama que, além do mais, proporcione ao seu filho uma aprendizagem adicional. É o caso das au pair, amas de nacionalidades estrangeiras que, além de cuidarem da criança, lhe falam na sua língua (francês, inglês, alemão, italiano) com o objetivo de a ensinar.

Procura uma ama? Quais os aspetos que considera mais importantes para encontrar a ideal?