Mi bebé y yo

Lista de cereais com glúten e sem glúten

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

Quando se inicia a etapa da introdução de novos alimentos diferentes do leite, os cereais são dos primeiros alimentos que entram na dieta do bebé. Mas quais são os cereais sem glúten e os com glúten? Vamos conhecê-los!

A introdução dos cereais na alimentação do bebé faz parte do processo de introdução de alimentos diferentes do leite, ou seja, da alimentação complementar às tomas de peito ou de fórmula que, em qualquer caso, devem continuar a ser o principal alimento do bebé até ao ano ou mais.

(Também lhe interessa: Introdução dos alimentos na dieta do bebé)

Damos-lhe as pautas para introduzir os novos cereais. E, se quiser, imprima a lista dos cereais do bebé, as suas propriedades e os tempos de introdução de cada um, de forma esquemática.

Regras para introduzir os cereais sem glúten e com glúten

  • Antes dos seis meses, não se deve dar ao bebé alimentos que contenham glúten, para evitar possíveis reações alérgicas ou intolerâncias. Por isso, é melhor oferecer-lhe cereais como o arroz, o milho e a tapioca, e deixar o trigo e os seus derivados para quando o bebé tenha cerca de seis ou sete meses.

(Também lhe interessa: Desmame noturno: conselhos práticos)

  • Para começar, bastam algumas colher de cereais com glúten adicionadas ao biberão de leite de continuação. Depois das primeiras experiências, deve aumentar gradualmente a quantidade, introduzindo a sêmola e também a massa, escolhendo sempre a de pequeno formato.
  • Com a adição dos cereais com glúten, a papa torna-se mais substancial e enriquece-se com amido e proteínas: é provável, precisamente por este motivo, que consiga satisfazer completamente as necessidades nutritivas da comida e que o bebé já não peça o suplemento de leite.

Em seguida oferecemos-lhe uma lista de cereais sem glúten e outra de cereais com glúten, na qual também lhe explicamos as suas propriedades e os tempos de introdução de cada um.

Cereais sem glúten

arroz  ARROZ. É o cereal que proporciona mais amido e na forma que é digerida mais facilmente. Pode oferecer-se ao bebé em forma de farinhas, sêmolas, flocos ou até de leite de arroz.

QUANDO SE INTRODUZ? Pode oferecer-se praticamente desde o início do desmame, aos 4-6 meses. Pode administrar-se a crianças celíacas.

..........

milho  MILHO. O milho é muito rico em hidratos de carbono, além de conter potássio, betacaroteno, magnésio e vitaminas do grupo B.

QUANDO SE INTRODUZ? O milho pode oferecer-se ao bebé praticamente desde o princípio do desmame, aos 4 – 6 meses, em forma de farinhas e sêmolas. Pode administrar-se a crianças celíacas.

..........

painço  MILHETE OU PAINÇO. Um cereal de grão muito pequeno e com um sabor suave e neutro, o que faz com que seja bem aceite pelas crianças. É um dos cereais que mais ferro e magnésio tem. Contém vitaminas do grupo B.

QUANDO SE INTRODUZ? O milhete é um cereal apto para as primeiras papas infantis pois não contém glúten.

..........

sorgo  SORGO. O sorgo é um cereal muito semelhante ao milho, tanto em aparência como em propriedades nutricionais. Contém vitaminas do tipo E e B, minerais, como fósforo, ferro e cálcio, e fibra.

QUANDO SE INTRODUZ? Não contém glúten, pelo que se pode oferecer à criança no princípio do desmame.

 

Cereais com glúten

trigo  TRIGO. Muito proteico: dá energia de longa duração. O farelo é rico em fibra não digerível, que previne a obstipação. É rico em minerais e em vitaminas do grupo B.

QUANDO SE INTRODUZ? O trigo pode ser dado ao bebé em forma de papas, farinha, flocos, sêmola, bolachas ou pão a partir dos seis meses.

..........

cevada  CEVADA. Tem um poder nutritivo e uma composição química muito parecidos com os do trigo, e é muito fácil de digerir. É rica em vitaminas PP, E e B (como o ácido fólico).

QUANDO SE INTRODUZ? Pode oferecer-se ao bebé a partir dos seis meses em forma de papas de farinha, flocos, pão de cereais, etc.

..........

espelta  ESPELTA. Os nutrientes deste cereal são muito fáceis de assimilar por parte do organismo, pois não sofreu tantas variações como o trigo. Gera um menor risco de alergias e é de fácil digestão.

QUANDO SE INTRODUZ? A espelta contém glúten, pelo que o seu consumo se recomenda a partir dos seis meses.

..........

aveia  AVEIA. É o cereal mais calórico e energético, pelo que é ideal para os meses frios e para os bebés mais mexidos. Tem uma grande quantidade de vitamina B e minerais, como  magnésio, fósforo e cálcio, e é rica em fibra.

QUANDO SE INTRODUZ? A aveia é um cereal que contém glúten, pelo que se deve introduzir na dieta do bebé a partir dos seis meses.

..........

centeio  CENTEIO. Destaca-se pelo seu teor em zinco e selénio, minerais antioxidantes, e é rico em fibra. O centeio contém vitaminas do grupo B, que ajudam a absorver os hidratos de carbono e beneficiam o sistema nervoso.

QUANDO SE INTRODUZ? O centeio é um cereal que contém glúten, pelo que se deve introduzir na dieta da criança a partir dos seis meses.

Também lhe interessa

Lista de cereais com glúten e sem glúten | O Meu Bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)