Mi bebé y yo

Cesariana programada

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

Existe a ideia de que as cesarianas são processos simples que tornam os partos muito fácies. No entanto, e como explica o Dr. Ivan Brambilla, não é bem assim: trata-se de uma operação que tem uma recuperação lenta e que exige um grande esforço da mãe.

O parto por cesariana é muito mais perigoso do que o parto natural, pelo que não parece ser sensato realizar uma cesariana por razões psicológicas. Dever-se-á ter presente que o segundo parto natural é sempre mais rápido e menos exigente do que o primeiro. Assim, não há necessidade de insistir em ter cesarianas num segundo parto sem que haja fortes indícios de que seja necessária uma intervenção.

Quando é que é necessário fazer uma cesariana

O que é considerado um nascimento ideal é o parto natural, sempre que possível. Não obstante, existem circunstâncias nas quais o parto natural pode ser perigoso para a mamã ou para o bebé, pelo que pode ser necessário programar uma cesariana. Os casos nos quais se deverá programar o parto por cesariana são:

  • Anomalias na posição do bebé.
  • Anomalias na posição da placenta (placenta anterior).
  • Doenças maternas graves (físicas e/ou psicológicas).
  • Desproporção entre as dimensões do bebé e a anca materna.
  • Condições patológicas da gravidez que não permitem a indução do parto natural.
  • Algumas gravidezes de gémeos.

Por outro lado, existem circunstâncias de emergência que podem tornar necessária uma cesariana quando já se iniciou o trabalho de parto: se houver um sofrimento fetal agudo, se se apresentarem anomalias na mecânica do parto, se se observarem anomalias no colo do útero, se houver um deslocamento da placenta, se o cordão umbilical se desprender ou se houver outras complicações graves na gestação.

(Também lhe interessa: Cesariana: como recuperar rapidamente)

Também lhe interessa

Cesariana programada | O Meu Bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)