scorecardresearch
Siga-nos
Mi bebé y yo
Doenças
Doenças

Esquisar doenças por inicial

a b c d e f g h i l m n o p q r s t u v

Gases na gravidez: porque aparece e como tratar

facebook twitter whatsapp

Encontra-se nos últimos meses de gravidez e começou a sofrer de acumulação de gases? A flatulência é um incómodo muito frequente. Explicamos-lhe porque aparece e como pode solucioná-lo.

A flatulência, ou flato, mais não é do que um excesso de gases no aparelho digestivo. Durante o processo digestivo são produzidos vários tipos de gases que o organismo elimina gradualmente. Se o nível é excessivo, os gases acumulam-se e provocam inchaço.

A flatulência é um mal-estar bastante frequente durante a gravidez, já que, durante a gestação, o organismo segrega uma hormona que torna mais lenta a digestão, o que faz com que a saída de gases seja também mais lenta e a sua acumulação muito mais frequente. Por outro lado, a pressão do útero nos intestinos torna-se progressivamente maior.

(Também lhe interessa: Bebidas na gravidez: quais sim e quais não)

(Também lhe interessa: Alimentação na gravidez)

Como aliviar os gases na gravidez

Uma dieta rica em fibra e líquidos ajudará a aliviar os desagradáveis gases na gravidez. O consumo de fibra é fundamental para a mulher grávida, já que ajuda a combater a prisão de ventre na gravidez, que afeta uma elevada percentagem de futuras mães devido à ação das hormonas, entre outros fatores.

A fibra é a “estrutura” dos vegetais (fruta, verduras, legumes e cereais) e é indispensável, sobretudo para as pessoas que sofrem prisão de ventre na gravidez. Como a fibra não é digerida pelo organismo, funciona como uma espécie de vassoura que empurra os dejetos para o exterior. Por isso, o volume das fezes aumenta e amolece, e os movimentos intestinais são acionados com mais regularidade.

Outra recomendação para aliviar os gases na gravidez importante é a de comer devagar e em pouca quantidade de cada vez, para que o organismo tenha tempo de digerir os alimentos.

Durante a gravidez, as bebidas com gás não são aconselháveis, assim como couves, brócolos, fritos e sobremesas muito doces, que são alimentos que produzem mais gases.

(Também lhe interessa: Dor nos rins na gravidez: como tratar?)

 

 




Também lhe interessa

Gases na gravidez: porque aparece e como tratar | O Meu Bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)

Registro