Mi bebé y yo

Encefalocele: causas, diagnóstico e tratamento

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

A encefalocele é um defeito de nascimento muito raro, que afeta diretamente o encéfalo do bebé. Caracteriza-se pela presença de tecido cerebral e membranas fora do crânio, pelo que tem de ser tratado com cirurgia.

O tubo neuronal é um canal muito estreito que, a partir da quarta semana de gestação, se dobra para formar o encéfalo e a medula espinal. A encefalocele é uma massa em forma de saco que cresce em direção ao exterior e que se produz quando o tubo neural não se fechou completamente durante a gestação. O resultado é uma protrusão que nasce em algum ponto do crânio como, por exemplo, entre o nariz ou na nuca, embora seja mais frequente na parte traseira.

Qual é a causa da encefalocele?

Atualmente não se conhece a causa da encefalocele, embora se acredite que intervenham muitos fatores, tais como o componente genético ou os fatores ambientais antes ou durante a gravidez.

Não obstante, estudos especializados chegaram à conclusão que tomar ácido fólico durante a gravidez reduz em muito a possibilidade de ter bebés com defeitos do tubo neural. Daí que se recomende tomar aproximadamente 0,3 a 0,5 miligramas todos os dias, inclusive antes de ficar grávida. Os alimentos mais ricos em ácido fólico são as verduras, os legumes e os citrinos.

A ingestão de vitamina B, ácido fólico, contribui de forma muito positiva para a prevenção destes defeitos de nascimento, especialmente os relacionados com o cérebro ou com a coluna vertebral. É sempre recomendável consultar o médico para estudar todas as possibilidades e cuidados a ter para o bebé nascer saudável.

(Também lhe interessa: Ácido fólico na gravidez e alimentos que o contêm)

Qual é o diagnóstico e o tratamento da encefalocele?

As encefaloceles que nascem na parte traseira da cabeça, normalmente, apresentam mais problemas no sistema nervoso, bem como defeitos na cara e no cérebro. Por outro lado, os sintomas deste defeito podem incluir:

Perda da força nas pernas e braços

Cabeça pequena em comparação com o corpo

Acumulação de líquidos no cérebro

Uso não coordenado dos músculos

Atrasos no crescimento

Convulsões

  • (Também lhe interessa: Iodo na gravidez: o porquê da sua importância)
  • A encefalocele trata-se com uma cirurgia para voltar a colocar dentro do crânio o tecido cerebral e as membranas, bem como para corrigir os defeitos faciais ou do crânio que possam estar presentes. Se tal deixar sequelas, os tratamentos vão depender do tipo de defeito. Os problemas neurológicos que tenha provocado a encefalocele, infelizmente, vão continuar a existir.

Também lhe interessa

Encefalocele: causas, diagnóstico e tratamento | O Meu Bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)