Mi bebé y yo

Vitamina A: como afeta a gravidez

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

A vitamina A é muito benéfica para a visão e para a pele. Por isso, é muito importante ingeri-la durante a gravidez. Não obstante, o excesso desta vitamina pode causar danos no feto. Quais são os alimentos com vitamina A?

A vitamina A é uma substância muito importante para a saúde, em especial para a da grávida, pois tem muitos benefícios para a saúde da pele e para a visão do futuro bebé. No entanto, há que ter muito cuidado para não ingerir uma quantidade superior à desejada, pois um excesso de vitamina A na gravidez pode causar alguns danos ao feto. Quais são os alimentos com vitamina A e qual a quantidade que deverá ser consumida?

(Também lhe interessa: Há alimentos proibidos na gravidez?)

Alimentos com vitamina A

A vitamina A encontra-se, principalmente, no leite e nos seus derivados, nos vegetais, e nos legumes amarelos e laranja, como a clementina, que é muito beneficiosa, entre outras coisas, para a visão e para a pele, o tomate, o pimento vermelho e o alperce.

Durante a gravidez, a quantidade aconselhada de vitamina A é de cerca de 800 microgramas por dia, quantidade que se encontra, por exemplo, numa cenoura média.

No entanto, é muito difícil sofrer de excesso de vitamina A apenas consumindo alimentos ricos nela. O perigo está na ingestão de suplementos alimentares ou medicamentos multivitamínicos. Por isso, se estiver grávida, antes de tomar qualquer suplemento vitamínico, necessita de consultar o médico.

(Também lhe interessa: Propriedades do kiwi: vitalidade na gravidez!)

(Também lhe interessa: Ácido fólico na gravidez e os alimentos que o contêm)

Porque é que um excesso de vitamina A pode prejudicar o feto

A vitamina A é uma vitamina lipossolúvel, ou seja, a sua estrutura é gorda e dissolve-se na gordura e não na água, pelo que não pode ser eliminada na urina, acumulando-se no organismo.

Consumir mais de 3000 microgramas por dia durante a gravidez pode causar malformações na cara e crânio do bebé, como defeitos do pavilhão auricular, cegueira, atrofia óssea (testa, nariz pequeno, olhos separados).

Também pode provocar lesões cardíacas, do sistema nervoso e imunitário, e até interrupção da gravidez.

 

Também lhe interessa

Vitamina A: como afeta a gravidez | O Meu Bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)