Mi bebé y yo

Podem dar-se beijos na boca ao bebé?

( 0 votos) load
facebook twitter whatsapp

Muitas mamãs costumam dar beijos na boca ao seu bebé. No entanto, será que se podem dar beijos na boca a um bebé pequenino ou será que não existe nada que impeça de beijar um bebé na boca? Os nossos especialistas respondem às suas dúvidas sobre esta matéria.

Podem dar-se beijos na boca a um bebé? Esta é uma pergunta que muitas mães fazem. Nós perguntámos aos nossos especialistas e aqui apresentamos o que nos responderam.

Beijos na boca: a opinião dos especialistas

  • Se tivermos em conta o ponto de vista físico, dar beijos na boca do bebé pode ser pouco higiénico. Em primeiro lugar, temos de ter em conta que, com as gotas de saliva, podem transmitir-se muitas infeções, desde a gripe à mononucleose, por exemplo. Além disso, a cavidade oral de um adulto contém bactérias que podem causar doenças nas gengivas do bebé.

 

Do ponto de vista psicológico, o bebé pode gostar que lhe deem um beijo na boca porque o contacto com os lábios lhe lembra o agradável momento da toma da mama materna.

Beijos na boca: e quando começa a crescer?

No entanto, quando a criança começa a crescer e a comparar-se com a sociedade que a rodeia, começa a aperceber-se que, nos modelos culturais da nossa sociedade, os beijos na boca são símbolo de amor no seio de um casal. Portanto, neste caso, poderá sentir-se confundido questionando qual é o seu papel. É então que chega o momento de pôr fim a este hábito com carinho e inteligência.

Costuma dar beijos na boca do seu bebé? A opinião dos especialistas pode fazê-la mudar de ideias ou pensa que entre mãe e filho não há qualquer problema? Gostaríamos de saber qual é a sua opinião no final deste artigo.

Também lhe interessa

Podem dar-se beijos na boca ao bebé? | O meu bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)