scorecardresearch
Siga-nos
Mi bebé y yo
Doenças
Doenças

Esquisar doenças por inicial

a b c d e f g h i l m n o p q r s t u v

Meningite: como identificar e tratar

facebook twitter whatsapp

A meningite é, sem dúvida, uma das doenças mais alarmantes, principalmente no caso das crianças. Porém, em que consiste realmente esta doença e quais são os riscos reais para os nossos filhos?

A meningite é uma inflamação das meninges (as três membranas que envolvem e protegem o sistema nervoso central) provocada por uma infeção vírica ou bacteriana.

Os agentes responsáveis por esta infeção são bastante numerosos: desde o meningococo (o mais conhecido e um dos mais comuns) ao Haemophilus influenzae (o grande responsável de muitas meningites infantis, até há alguns anos) e o pneumococo (hoje em dia o agente patogénico identificado com mais frequência).

(Também lhe interessa: Plano Nacional de Vacinação: como vacinar o bebé e a criança)

Sintomas da meningite

- A doença manifesta-se repentinamente, provocando, principalmente nos mais pequenos, um estado acentuado de sonolência e apatia. A criança mostra-se cansada e chora.

- A febre pode oscilar entre valores muito altos (cerca de 40ºC) e muito baixos (35ºC).

(Também lhe interessa: Displasia da anca: como tratar)

- Podem aparecer: dor de cabeça, náuseas e vómitos.

- Mas, sobretudo, a criança sofre transtornos neurológicos que podem manifestar-se em dificuldade para se levantar da cama ou rigidez da nuca (que fica literalmente bloqueada; a criança não é capaz de a mover).

Diagnóstico e tratamento da meningite

O diagnóstico preciso de uma meningite é efetuado através de uma análise de sangue. Em caso de resultado positivo, é necessário iniciar um tratamento à base de antibiótico que depende do gérmen detetado. Quase sempre, esta análise é feita no hospital, de modo a manter controlado o organismo enfraquecido do paciente. Uma vez terminado o tratamento, na grande maioria dos casos, não se manifestam efeitos negativos a longo prazo.

 

Vacinas contra a meningite

Apenas algumas formas de meningite podem ser prevenidas através de vacinas. Atualmente, a vacina disponível em Portugal é a anti-meningocócica, que pode ser do tipo A, B, C e Y, dependendo do tipo de doença meningocócica invasiva.

No entanto, estas vacinas não oferecem uma proteção absoluta, já que atuam unicamente sobre determinados antígenos da cepa bacteriana. Por consequência, o facto de vacinar a criança não significa necessariamente a sua imunidade.

 




Também lhe interessa

Meningite: como identificar e tratar | O Meu Bebé Qual é a sua opinião?

Tem que se registrar para poder escrever um comentáro ou votar. Pode registrar-se aqui ou, se já tem conta, pode entrar.
ACEDER Á SUA CONTA
Memorizar-me
Entrar
REGISTAR-ME
JUNTE-SE À COMUNIDADE O MEU BEBÉ
REGISTE-SE GRÁTIS

Comentários (0)

Registro