O meu bebé

Jogos de Halloween: que vão dar arrepios!

Se vai preparar uma festa de Halloween para os seus filhos, não podem faltar divertidos jogos para provocar sustos e gargalhadas. Propomos-lhe cinco jogos de Halloween pensados para uma festa infantil. Vão divertir-se à grande!

O Halloween é a celebração mais terrorífica do ano, cada vez mais se celebra nas casas portuguesas. Criar a típica abóbora de Hallowen, preparar receitas terroríficas, elaborar deliciosas bolachas e mascarar-se de monstro, bruxa e zombie é divertido e permite viver o género do teror como algo lúdico e festivo.

As crianças adoram mascarar-se para assustar as pessoas e ir de porta em porta pedir “Doce ou Travessura”. Em Portugal o costume de pedir rebuçados e doces limita-se ao tradicional “Pão por Deus”, que tem caído em desuso nos último anos. Em vez de ser na noite de 31 de Outubro, como na tradição anglosaxónica, em Portugal as crianças pedem o seu “Pão por Deus” no dia 1 de Novembro de manhã, Dia de Finados. Na verdade, a maioria das celebrações ditas de Halloween ou Dia das Bruxas cingem-se a festas infantis, onde as crianças se mascaram, comem doces e brincam. Mas que tipos de brincadeiras assustadoras são as mais adequadas às crianças? Fazemos-lhe cinco propostas!

(Também lhe interessa: Canções de Halloween para ambientar uma festa infantil)

5 jogos assustadores para a festa de Halloween

1. Reconstruir o esqueleto

Este jogo requer que os papás o construam para que as crianças possam jogar. Para tal, é necessária uma cartolina grande de cor negra e nela desenhar, se necessário com a ajuda de um molde, um esqueleto humano. Com outra cartolina branca, colocada em cima da figura do esqueleto, devem desenhar-se e recortar os distintos ossos que formam parte do esqueleto humano (os mais importantes). Na hota de iniciar o jogo, devem-se reunir as crianças diante da cartolina negra com o desenho do esqueleto e dar-lhes as distintas peças recortadas com a cartolina branca; que são os ossos. Deverão fazer um puzzle e reconstruir o temível esqueleto!

2. Criar uma múmia

É todo um clássico dosjogos de terror infantis e consiste em formar dois ou mais grupos de crianças, com o mesmo número de membros. Por exemplo, quatro grupos de três crianças cada uma. Cada grupo deverá escolher alguém que será a múmia. Para tal, os outros membros do grupo deverão enrolar o seu companheiro em papel higiénico até que não fique nenhuma parte do corpo de fora e aparente ser uma múmia. Ganha o grupo que acabar mais depressa!

3. A teia da aranha

Este jogo também requer a participação dos papás. Deverão escolher um compartimento da casa, por exemplo, a sala de estar e nela traçar uma teia de aranha gigante colocando cordas atadas entre os pés das cadeiras, mesas e móveis no geral. Entre os distintos tramos que da teia, colocam-se os rebuçados, bem repartidos por toda a rede. O jogo consiste em que as crianças devem adentrar-se na teia da aranha para conseguir os doces, mas não podem tocar nos fios! Se o fazem, a aranha irá apanhá-los e perdem o jogo.

4. Entrar na fortaleza

Este jogo tem que ser feito ao ar livre, concretamente no campo e de noite, pelo que é mandatório a participação e vigilância de adultos, bem como crianças maiorzitas,com no mínimo 8 anos.No bosque, os adultos irão traçar um circulo com cordas atadas a um grupo de árvores, que será a fortaleza. Dentro dela, estarão várias crianças e adultos (quatro se possível) com lanternas. Ao redor da fortaleza, escondidos pelo campo (sem se afastarem demasiado) estarão os restantes participantes do jogo, também eles adultos e crianças, com as caras tapadas com gorros, cachecóis, etc. O jogo consiste em que os membros que estão no campo entrem na fortaleza sem que os vigilantes os identifiquem com o foco das lanternas, daí terem a cara tapada. Ganha o primeiro que consiga entrar sem que o identifiquem.

5. Sombras de cinema

É uma versão do jogo de adivinar filmes, mas centrando-se na temática do cinema fantástico e de terror. Para jogar, deve ser colocado um lençol no quarto e iluminá-lo com luzes de maneira a que as crianças se coloquem de trás dela formando sombras chinesas. O jogo consiste em que a criança interprete uma cena de terror (por exemplo, o despertar de Frankenstein ou a mordida do Drácula) por trás do lençol e os restantes adivinhem a personagem.

(Também lhe interessa: Trabalhos manuais de Halloween: ideias para a sua casa

 

Também lhe interessa…